O que aprendi em 2017

Todo dezembro tem o poder de nos fazer rever o ano que se passou… mas de todos os dias desse mês, acredito que 31 tem uma vibe de mudança, de fim de ciclos, de deixar para trás o que não foi bom, as desilusões, as dores… para dar espaço para novos sentimentos, experiências, página nova e branquinha chamada 1º de Janeiro.

Veja a coisa mais preciosa que aprendi em 2016

Nenhuma das resoluções que escrevi no 31/12/16 eu realizei em 2017. Sério, nenhuma MESMO. Não voltei para a academia, não fiz a tatuagem que queria, não escrevi o livro que planejei. Não consegui ser mais organizada, não espalhei quadros pelas casa, nem saí para me divertir mais. Não mudei a cor do cabelo, nem costurei as roupas que sonhei em vestir.

Mas sabe, nem por isso foi um ano ruim. Muitas coisas bem legais aconteceram: finalmente nos mudamos para o apartamento que compramos (e moro perto de castelos!), a pequena começou a frequentar a escolinha e amou, entrei no Blogs do Vale do Paraíba e fizemos muitas coisas juntas, Alice e eu aparecemos na TV, participei de mais uma oficina incrível de Criação Literária com minhas amigas, o blog firmou várias parcerias legais ( D’zahoo, I Love Palhas, Coletivo Editorial, escritora Luísa Aranha do Causos e Prosas), fui a vários lançamentos de livros das minhas amigas queridas, pude diagramar um livro (!), e (finalmente) lancei o meu. Participei de vários eventos literários apresentando “O Livro Perfeito dos Livros Perfeitos”, tive a oportunidade de conhecer e conversar com escritores que admiro (Alice Ruiz, Pedro Gabriel, Clarice Freire, José Luis Peixoto), fui curadora de uma exposição do Litheratrupe, ministrei um workshop sobre Estilo Literário, Saymon/Alice e eu saímos para um rolê noturno juntos, com direito a banda e tudo, fui ao show do Far From Alaska, fui para a Flip com um grupo de aventureiras e montamos barraquinha de livros no chão de Paraty, ganhei um mimeógrafo, tirei foto com a minha heroína da vida Emília, conheci a palhaça Rubra, fiz um curso de Editoração Gráfica, escrevi e entreguei cartas de Natal pela cidade durante uma madrugada aí… Tive a linda oportunidade de estreitar amizades virtuais, e conhecer muitas dessas pessoas ao vivo (aqui, aqui e aqui)! E conheci tanta gente especial esse ano. (me segue lá no insta pra ver mais fotos desse ano doido, e das próximas loucuras que virão)

Completei 12 anos de relacionamento com o amor da minha vida… O Saymon (que agora também tem um blog), como sempre, se mostrou disposto a embarcar em todas as doideras que vivi esse ano. A pequena Alice cresceu, e mesmo com 1 metro de altura e 17 quilos para seus 2 anos, continua sendo pequena para mim. Irmãos de sangue voltando para perto. Vi milagres acontecerem diante de mim.

Bom, o que aprendi esse ano: a vida nunca é da maneira que planejamos. A maternidade me mostrou isso da maneira mais hard possível, e esse ano foi o nível 2 da lição. LÓGICO que precisamos nos planejar para correr atrás do que queremos (e 2018 será o ano em que colocarei o ‘planejar’ em prática), mas as oportunidades e a vida simplesmente ignoram nossos planos, e precisamos ter uma certa leveza no coração, paz de espírito e fé para aceitar os caminhos em que muitas vezes somos arremessados.

Para vocês que leram esse baita post (kkk) te desejo muita leveza no coração, paz de espírito e fé. Que 2018 seja cheio de boas oportunidades para sorrir, curtir uma boa conversa com os amigos, inúmeras tardes de brincadeiras com as crianças, sonhos colocados em práticas, cafés, bolos de chocolate, e muitas surpresas.

Obrigada por mais um ano aqui comigo. Sou muito feliz por ter pessoas como vocês comentando, incentivando e curtindo o que rola por aqui.

O que você aprendeu esse ano?

FELIZ ANO NOVO!

 

Anúncios

4 comentários sobre “O que aprendi em 2017

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s